ExperienceSTEEL

Descubra as vantagens de ter um forno com a função “vapor”

Cozinhar a vapor permite-nos manter as propriedades nutricionais dos alimentos, já que não se altera a composição das sus vitaminas e minerais graças à retenção de humidade durante a cozedura. É por este motivo que se trata de um sistema muito saudável na hora de cozinhar e muito valorizado pelos expertos culinários.

Quando cozinhamos alimentos com um forno a vapor, cozinhamos alimentos menos pesados que ajudam a realizar uma digestão mais leve, porque entre outras razões, não é necessário usar nenhum tipo de azeite para cozinhar os nossos pratos. Isto permite-nos desfrutar de uma alimentação sem excesso de gorduras. Além disso, a função a vapor ajuda-nos a manter todo o sabor das nossas receitas e a conservar melhor os alimentos, uma vez que os nutrientes não se diluem na água.

Outra característica destacável é que esta tipologia de forno permite-nos cozinhar vários alimentos ao mesmo tempo sem misturar os sabores ou os aromas. Além disso, existem fornos da STEEL que incorporam um Termo-ventilador, que é uma resistência à volta do ventilador que expulsa a temperatura gerada de forma uniforme no forno, facilitando assim que o calor penetre direta e uniformemente sobre os alimentos, permitindo uma cozedura totalmente homogénea que oferece resultados excelentes.

Desta forma, a eficiência energética e a rapidez são outros dos aspetos importantes a ter em conta na hora de escolher o forno ideal. Ainda que às vezes se pense o contrário, cozinhar a vapor é muito rápido, dado que o forno não necessita ser aquecido previamente e pode introduzir os produtos no exato momento que acende o forno. Além do mais, o consumo energético é muito menor que o dos fornos tradicionais, traduzindo-se num investimento económico positivo com o passar do tempo.

Por último, o vapor pode ser um grande coadjuvante de limpeza. A STEEL incorpora nos seus fornos a funcionalidade Combi-vapor que permite uma fácil e rápida limpeza, já que o vapor ajuda a que a gordura acumulada nas paredes do forno se desprenda. Ao aproveitar a temperatura do vapor residual, também evita um maior consumo de energia e uma acumulação de calor e de temperatura desnecessários usados noutros processos, que dificultam a limpeza ao ressecar a sujidade acumulada no perímetro do forno.